Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A principal razão (i.e. a razão de fundo e de a longo prazo) para a enorme fraude do suposto "aquecimento global" antropogénico

26.09.19

MarchaPeloControlo.png

[Um comentário que hoje deixei no blogue da historiadora Raquel Varela.]

 

(Embora a RTP 2 tenha já feito um muito discreto debate sobre o assunto, há uns bons anos: https://vimeo.com/6727986)

Aos mentirosos do “aquecimento global” obviamente que não interessa debater o assunto...

Pois, no dia em que o fizessem, perante todos, qualquer pessoa com um mínimo de formação científica (suponho até que, ao nível do 9º ano, que é comum para toda a gente) facilmente conseguiria perceber que tal suposto fenómeno não passa de uma *enorme mentira* (https://www.youtube.com/watch?v=bSAgCFLgaVI + https://controlc.com/6dbc7e9b). Não sendo por acaso que uma enorme quantidade de cientistas até quiseram processar o Al Gore: https://www.youtube.com/watch?v=fdRaxN5jUZE

(Ex: As análises a amostras de gelo colhidas na Antárctida *provam* que o aumento e a diminuição do CO2 na atmosfera ocorrem *posteriormente* e com um desfasamento de 800 anos relativamente ao aumento e à diminuição das temperaturas na Terra – ou seja, que são as variações na temperatura da Terra que causam variações na quantidade de CO2 na atmosfera, e não o inverso – https://www.youtube.com/watch?v=YrsUQ5jw_B4)

Quanto às alternativas energéticas,

A fusão nuclear já poderia até ser uma realidade, não fossem o consciente e propositado subfinanciamento do desenvolvimento da mesma e o cancelamento de projectos quando estes têm sucesso – tal como é denunciado na seguinte muito boa palestra: https://www.youtube.com/watch?v=Wbtj29ERG-Y

E, mesmo a fissão nuclear, não é perigosa como as pessoas pensam. Pois, o pior incidente de todos neste domínio foi, na verdade, resultante de um acto de sabotagem ocidental (http://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=67.msg316313#msg316313) – tal como irá ser, ao de leve, indiciado numa série de televisão russa, que surgiu em resposta à recente série de televisão estadunidense: https://www.presstv.com/Detail/2019/06/08/597988/Russia-Chernobyl-HBO-US-CIA

O objectivo final de todas estas mentiras e sabotagens, é reduzir a população mundial (https://larouchepac.com/category/green-fascism) para níveis que sejam mais fáceis de controlar (https://c2.quickcachr.fotos.sapo.pt/i/G851381ad/21026775_tNCDk.png). Pois, (tal como denunciam aqueles que têm fontes em serviços secretos e afins: https://twitter.com/search?q=proportional%20density%20from%3AEstulinDaniel) sabem os cientistas sociais ao serviço das elites que, o progresso e desenvolvimento de uma sociedade é directamente proporcional à densidade populacional da mesma. E, com tantas pessoas que vão surgindo no Planeta (agora com acesso à Internet e outros meios não controlados de disseminação da Informação, da Cultura e do Conhecimento) torna-se cada vez mais difícil às elites que gerem a sociedade controlar a mesma. [https://blackfernando.blogs .sapo.pt/o-acesso-a-cultura-e-ao-conhecimento-147909]

 

[Ao qual depois fiz um pequeno acrescento...]

 

(E, sendo você, Dra. Varela, também uma cientista social, se duvida do que eu digo no meu último parágrafo, pare para pensar...)

O resultado final das medidas políticas de suposto combate ao dito “aquecimento global” irá ser, obviamente, ficar toda a gente mais pobre... Ora, não é muito mais fácil controlar trabalhadores e restante “arraia-miúda” da sociedade se estiverem estes com problemas pessoais e sociais, subnutridos e sem dinheiro para acesso à Internet, livros e afins?

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que (muito provavelmente) terá acontecido a Anthony Bourdain

19.06.18

Assunto: Anthony Bourdain foi [quase certamente] morto

(Estava prestes a usar a sua série de televisão para denunciar tráfico sexual de crianças - no qual as elites estão, por norma, envolvidas: https://www.zerohedge.com/news/2017-01-25/clinton-silsby-trafficking-scandal-and-how-media-attempted-ignorecover-ithttps://twitter.com/EstulinDaniel/status/926957171564167168https://twitter.com/EstulinDaniel/status/926958967904911360https://sputniknews.com/europe/201508051025409195/ + http://www.dailymail.co.uk/news/article-4238188/Sir-Edward-Heath-paedophile-says-police-chief.html)


A seguinte entrevista foi feita a um radialista com 24 anos de carreira - e que é descrito pelo próprio Donald Trump como tendo uma "reputação fantástica" (https://www.youtube.com/watch?v=FJqLAleEnKw).



(No fundo, é uma história semelhante à que conta este radialista acerca do realizador Stanley Kubrick - https://forum.prisonplanet.com/index.php?topic=157208.msg935683#msg935683 - de quem tal muito conhecido apresentador é amigo de uma das filhas: https://www.youtube .com/watch?v=UoDKg8nHI1U#t=8m23s)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mais, sobre a sexualização das crianças...

14.11.17

Assunto: Polémica com desenhos animados "Meu Pequeno Pónei"

(Envio, em anexo, a digitalização de uma notícia de ontem, do jornal "Correio da Manhã".)

Sobre o que dizem da terceira fotografia - que é a relativa a um episódio da "Abelha Maia" que foi retirado do Netflix - têm as seguintes notícias, que denunciam a repetida presença de (discretas) referências sexuais nos filmes da Disney:

http://metro.co.uk/2017/10/05/boobs-bums-and-erections-22-disney-innuendos-you-definitely-didnt-notice-until-you-grew-up-6979240/
https://www.thesun.co.uk/living/3377157/how-our-favourite-disney-films-are-filled-cheeky-innuendos-and-rude-jokes-for-parents/

pónei.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

Conheçam o canal do YouTube "BanTheBBC"

22.08.17

A propósito da notícia (e reacções à mesma) - [1] [2] - de que o maior órgão de propaganda do Império Britânico, a BBC, iniciou a sua maior expansão de sempre desde a década de 1940, deixo aqui uma colectânea de vídeos do que fazem alguns cidadãos britânicos que não querem ser lavados ao cérebro pelo mesmo - e que, por isso, se recusam a pagar o equivalente ao nosso imposto de Contribuição Audiovisual (que, no Reino Unido, só paga quem vir este lixo de canais televisivos).

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mais uma prova da (crescente) sexualização das crianças, à qual todos os pais que se preocupem com os filhos devem estar atentos

23.05.17

shinchan.png

 

(Têm mais informação sobre este fenómeno e também outros exemplos do mesmo, <nesta> minha anterior colocação e nos seus respectivos comentários. E, para saberem mais sobre a natureza destas e outras componentes nocivas, que estão agora repetidamente presentes na moderna "cultura popular" infantil, juvenil e não só - assim como, a razão de ser das mesmas - podem ler o livro do Daniel Estulin, para o qual aqui já chamei a atenção.)

 

Série do canal Panda Biggs considerada imprópria para crianças

Por ZAP - 16 Maio, 2017

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) considerou a série Shin Chan, que é exibida no canal Panda Biggs, pouco adequada para crianças mais novas e determinou que só poderá ser transmitida depois das 22h30.

deliberação surgiu depois de o regulador ter recebido, entre 6 de dezembro de 2016 a 24 de janeiro deste ano, 105 queixas de vários organismos e espectadores, contra um episódio destes desenhos animados japoneses.

O Instituto de Apoio à Criança, a Ordem dos Enfermeiros, o Projeto Criar e a Secretaria-Geral do Ministério da Saúde foram algumas das entidades que manifestaram preocupação com o capítulo em questão, afirmando que o mesmo poderia evocar atos de pornografia ou até pedofilia.

“Duas personagens vestidas como enfermeiras, no âmbito de uma unidade de saúde, realizam um exame ao ânus da criança de cinco anos, que passa por penetração com os dedos e sugestão de penetração com objetos, acompanhado de comentários sobre a alegada perfeição do ânus e imagens e sons de sofrimento da mesma criança”, destacou a Ordem dos Enfermeiros.

O Panda Biggs acabou por se defender e afirmou que, naquele episódio, “o pai de Shin Chan é submetido a uma operação às hemorroidas e está muito queixoso, enquanto que o filho está sempre a fazer traquinices e a gozar com ele. O Shin Chan andava pela clínica a mostrar o rabinho a toda a gente, por isso a médica aproveitou o momento para analisar o rabo do rapaz”.

“O propósito da cena é submeter o Shin Chan ao mesmo tipo de análise que é realizada na clínica, a qual, não sendo agradável, serve de lição por causa das suas traquinices“, acrescentou fonte do canal temático infantil.

[Não vou colocar aqui o vídeo que estava embebido neste artigo. E, quem quiser vê-lo, que clique na hiperligação para a notícia original, que está no título desta citação que estou a fazer.]

Em resposta às queixas, a ERC emitiu um despacho no qual clarificava que a série Shin-chan não contem qualquer ato de pornografia ou pedofilia, mas determinou que a série só pode ser transmitida em Portugal a partir das 22:30.

“Não se poderá considerar que a cena em causa consista em abuso sexual ou pedofilia. No entanto, após a visualização da cena num contexto descontraído e humorístico de desenho animado, as crianças podem ser levadas a não encontrar diferenças relativamente a outros atos que, sendo aparentemente semelhantes, revestem-se das maiores diferenças, consistindo no abuso sexual de um menor”, destacou o regulador.

Os desenhos animados que estão a gerar polémica falam sobre o quotidiano de um rapaz japonês, Shinnosuke Nohara, que tem “um comportamento totalmente anormal” e é considerado um “mau exemplo” para crianças.

A série é considerada uma das mais longas do mundo, com mais de 2000 episódios traduzidos em mais de 30 línguas, e é constantemente uma das séries de anime com maior audiência no Japão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A crescente sexualização das crianças

05.03.17

disney-same-sex-kissing.jpg

[Segue-se uma mensagem que foi originalmente emitida por correio electrónico...]

 

Assunto: Desenhos animados da Disney com beijos homossexuais

http://www.infowars.com/disney-channel-cartoon-features-networks-first-same-sex-kiss/

Independentemente do que cada um pensa em relação a este tipo de orientação sexual,

O que este tipo de exposição faz é, para além de (1) estar a sexualizar as crianças (coisa que já começa a acontecer nos vários sistemas de ensino ocidentais - http://www.infowars.com/sex-and-the-public-schools/ - incluindo em Portugal - http://www.lux.iol.pt/nacional/31-01-2017/livro-de-valter-hugo-mae-com-linguagem-sexual-violenta-cria-polemica) (2) estar a confundi-las quanto a sua possível orientação sexual (original) [Corrigido a 19/09/2019: "promover a homossexualidade" - https://www.hollanddavis.com/identical-twin-studies-prove-homosexuality-is-not-genetic/].

Na Rússia, é ilegal estar a expor as crianças a este tipo de imagens, ou propaganda (https://en.wikipedia.org/wiki/Russian_gay_propaganda_law).

No entanto, no Ocidente, não só se faz isto impunemente, como também já se começaram a reduzir as idades de consentimento sexual (Portugal incluído - https://www.rea.pt/forum/index.php?topic=5115.msg1572038#msg1572038) e, nos EUA, já começaram até os média de massas a publicar artigos que desculpabilizam a pedofilia: http://www.infowars.com/salon-pushes-pedophile-sympathy-again/

Tomem muita atenção a isto. A "sexualização das crianças" é algo ao qual irão vocês, de certeza, assistir enquanto pais (como disse, até em Portugal já se viu isto acontecer no sistema de ensino oficial) - sendo isto algo ao qual deverão estar muito atentos.

O que eu já pude ver, sem sequer sair de casa, foi (por mais do que uma vez) o (agora, assumidamente homossexual) "Cláudio Ramos" da SIC, num daqueles programas da manhã, a explicar às pessoas como praticar o dito "sexo anal" (em plena manhã, num canal de sinal aberto) e, num dos canais da TV por cabo aqui, em Portugal, que é o "TLC", estão sempre a emitir uns concursos de "Misses" com bebés (ou próximo disso) todas pintadas e vestidas como se fossem mulheres adultas, com a assistência toda a aplaudir e a assobiar enquanto estas desfilam. (É incrível, mas está a acontecer...)

Raios, até já um conhecido psicólogo da TVI, assumidamente "bissexual" e que está sempre, em todos os programas, a dizer às pessoas o que devem pensar sobre várias coisas - e tem até um programa sobre sexo na rádio pública - já veio defender o "sexo com animais"(!): http://www.impala.pt/famosos/animais-via-humanos-sexo/

Abram os olhos e protejam os vossos filhos!

Autoria e outros dados (tags, etc)

"Ah, como é bom ser pobre..."

05.01.15

Um muito pequeno excerto de um filme musical, chamado "Planeta Adormecido", com que são presentemente lavadas ao cérebro as crianças em Portugal - no qual ter "casas" e "carros" é apresentado como algo de mau (sendo que, o que é bom é "não ter nada").

 

(Reparem no "olho dentro do triângulo", que tem um dos personagens vestido de branco - que aparece em todo o filme - apresentado como "iluminado", contrariamente às pessoas que vivem nas "sombras" por procurarem qualidade de vida...)

 

O filme em causa, foi exibido na RTP 1, na manhã do passado dia 27 de Dezembro. E, suponho que para constatar o que eu aqui denuncio, tenha de se ver mais partes do mesmo. Pois, o filme inclui verdadeiras barbaridades, como: uma altura em que as crianças se sentam em volta dos adultos e estes lhes explicam (parafraseando) que "a crise é algo que veio por bem"; um outro pequeno momento musical em que um personagem se vangloria de comer comida do lixo; e outras coisas imensamente educativas.
(Uma excelente sugestão, suponho, para "entreter" as crianças que, devido ao recente empobrecimento dos seus pais, não podem mais viajar para visitar sítios de interesse para elas e onde possam brincar e que têm agora de ficar fechadas em casa - caso ainda tenham uma - em frente ao LCD de lavagem ao cérebro que têm algures na sala - crianças essas, que também não convém que se mexam muito, pois, o dinheiro para a comida também já não abunda...)

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 01:49