Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Os média de massas, como sempre, a fazer o seu trabalho sujo de tentar difamar quem se insurja contra o poder instituído

10.10.20

[Tirado da página no Facebook dos "Médicos pela Verdade - Portugal".]

 

COMUNICADO

 

Desde há alguns dias que vimos sendo assediados pelo Jornal Polígrafo na figura do seu subdiretor com uma sucessão de perguntas, algumas concernentes ao nosso suporte informático, alegando o mesmo ser composto por elementos anti-vacinas.

Dado o teor difamatório e a atitude persecutória daquela entidade, urge esclarecer:

1 - Sendo os Médicos pela Verdade Portugal (MpVP) um movimento cívico composto por médicos e outros profissionais de saúde, será óbvio à compreensão de todos, que, por inerência das funções que desempenham, as aptidões dos seus membros não passam pela informática nem pelo manejo de uma qualquer página numa qualquer rede social.
Por conseguinte, tivemos que contratar quem nos ajudasse a construir um site e uma página nesta plataforma.
Para a escolha da equipa de suporte concorreram a vontade de contribuir para a nossa causa e a experiência de quem se apresentou disponível para nos ajudar.
Não fizemos interrogatórios acerca de local de residência, raça, orientação sexual, confissão religiosa, posições sanitárias, políticas ou de outra índole, por tal ser irrelevante para o objectivo pretendido.

2 - São os conteúdos que importam e são os conteúdos que nos dão ou não a credibilidade e não quem nos suporta.

3 - São os conteúdos juntamente com o nosso Manifesto que falam por nós e ao que vimos.

4 - Nada existe que tenha sido por nós dito, escrito ou publicado quer da nossa autoria, em artigos de revisão bem como alguns artigos de opinião ou notícias veiculadas pela imprensa nacional e internacional, que espelhe negacionismo, campanhas anti-vacinação ou qualquer ideologia política ou religiosa.
Portanto, insinuá-lo é má fé e afirmá-lo é calúnia ou difamação.

5 - Pelo exposto e por conseguinte esse atentado persecutório e difamatório contra a nossa honra, a nossa integridade e as nossas credibilidade e competência, com base numa mentira, não nos deixará outra alternativa senão o processo judicial e o pedido de indemnização conforme e na proporção dos danos causados.

Assim, para que não restem dúvidas:

A - A credibilidade dos Médicos pela Verdade Portugal não depende daqueles que constituem o suporte informático antes dos Curricula Vitae dos seus membros, dos conteúdos que publicam com base em artigos científicos de qualidade e ainda da sua conduta social, ética e deontologicamente irrepreensível.

B - Não serão mais tolerados o insulto, o assédio ou a ameaça pessoal ou colectiva, tampouco insinuações ou calúnias que belisquem a honra e a integridade dos profissionais de saúde envolvidos neste movimento cívico pela ciência e pela reabilitação, em pleno, da actividade assistencial do SNS.

C - Os MpVP não são e não assentam em movimentos anti-vacinas, negacionistas, políticos, religiosos nem conspiracionistas.

Margarida Gomes de Oliveira, OM 34309
Médicos pela Verdade Portugal

Autoria e outros dados (tags, etc)

Por estas e por outras, é que devemos sempre EXIGIR FONTES do que é afirmado pelos vários média, sejam estes quem forem...

14.09.20

Comparem, por vós próprios, a seguinte notícia falsa, por parte do português Jornal Económico, com a fonte original que devia ser citada - ou para a qual devia tal jornal deixar uma hiperligação.

 

Antigo conselheiro de Trump aconselha Presidente a deter CEOs da Apple e Facebook e a família Clinton caso perca as eleições [segundo o Jornal Económico]

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 19:42

Manifestantes contra o Estado Policial na Europa não são fascistas

30.08.20

(E, mesmo que fossem, não seria necessariamente por isso que não poderiam ter razão, ao fazer protestos desta natureza específica...)

Para não variar (pois, isto não é novidade alguma para quem participa em manifestações "anti- -sistema" e depois lê relatos que contam até mentiras incríveis e descaradas sobre o sucedido) os média de massas mentiram sobre a natureza das manifestações ontem ocorridas, na Europa, de pessoas que são contra os confinamentos obrigatórios, por causa da suposta pandemia.

(Que tenham também participado fascistas nestas manifestações, não me surpreenderá, se tal for efectivamente verdade. Mas, daí a descrever todos os manifestantes, ou a maioria destes, como fascistas... É como estar a descrever as manifestações anti-austeridade, que ocorreram há alguns anos cá, nas quais o PNR também quis marcar presença, como manifestações de fascistas.)

E, para provar tal mentira, aqui ficam dois vídeos: um sobre a manifestação ocorrida na Alemanha; e outro sobre a manifestação ocorrida no Reino Unido.

No primeiro vídeo, temos um discurso de Robert F. Kennedy Jr., conhecido crítico das vacinas e membro da muito conhecida família Kennedy, que lutou contra o Fascismo na 2ª Guerra Mundial.



E, no segundo vídeo, podem ouvir e também ver discursar Piers Corbyn, conhecido denunciador da falsidade do "aquecimento global antropogénico" e (tal como o seu irmão, Jeremy Corbyn, que até recentemente era o líder do Partido Trabalhista britânico) um conhecido socialista.



E, já agora, porque os média de massas se queixaram de tal coisa...
O uso de máscaras (seja em espaços abertos ou até mesmo em espaços fechados) é praticamente desnecessário. E, como prova de tal, têm a seguinte compilação de artigos científicos: https://vaxxter.com/wp-content/uploads/2020/07/Masks-Final.pdf

Autoria e outros dados (tags, etc)

Para quem seja capaz de "unir os pontos" por si próprio

23.06.20

 

[Comentário que deixei, no YouTube, ao vídeo em causa.]

 

Reparem em como,

Os países nos quais são reportados, pelos média de massas, os maiores números de vítimas são exactamente aqueles (Brasil, Rússia, EUA) que têm Presidentes não alinhados com os interesses liberal-financeiros que controlam os média de massas.

Em Portugal,

Pouco tempo depois do governo ter proibido as autarquias de reportarem os números de mortos, numa entrevista da RTP aos responsáveis por um estudo feito por uma instituição portuguesa qualquer, foi dito que os números de mortos por região e os totais nacionais não batiam certo.

Também, quem andou a consultar as estatísticas oficiais, reparou que, não só (1) foram acrescentados números ao período de final de Março e início de Abril, criando um pico que não lá estava anteriormente - que fez com que fosse ultrapassada a barreira dos 400 mortos por dia (o que pode, no entanto, ser justificado com uma actualização das informações) - como (2) foi alterado o modo como são apresentadas as estatísticas oficiais, para um em que as actuais aparentam agora ser anormais: https://twitter.com/BlackFerdyPT/status/1253871578338729984

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 15:01

Porque ninguém se dá ao trabalho de se informar por si próprio...

19.04.20

mortalidade_dgs.png

 

Assunto: Mortalidade do coronavírus pouco diferente é da de uma gripe

(Tal como no caso de tantas outras mentiras que os média de massas dizem às pessoas, a verdade sobre o assunto está à vista de todos - mas, no entanto, apenas ao alcance de quem pensa - i.e. de quem é capaz de "unir os pontos" - por si próprio/a...)

A maioria das pessoas saudáveis que apanha este coronavírus nem sabe disso, por não manifestar sintomas (pelo menos, que leve a sério):

https://www.voanews.com/covid-19-pandemic/coronavirus-clue-most-cases-aboard-us-aircraft-carrier-are-symptom-free

E, entre quem o apanha e manifesta sintomas, é quem já tem problemas de saúde (derivados da idade, nomeadamente) é que, na sua grande maioria, morre do mesmo:

https://zap.aeiou.pt/covid-19-99-das-vitimas-mortais-italia-pelo-menos-doenca-314852

Se a maior parte dos infectados nem dá por disso, a taxa de infecção é obviamente muito maior do que é divulgada (pois, ninguém vai fazer testes de averiguação só porque sim).

https://www.publico.pt/2020/04/15/ciencia/noticia/estudo-portugal-detectava-apenas-15-casos-infeccao-final-marco-1912419

E, tendo sido noticiado ontem que a taxa de infecção pode ser até dezenas de vezes maior do que é reportado...

https://www.irishtimes.com/news/health/coronavirus-cases-may-be-tens-of-times-higher-than-previously-thought-study-says-1.4232557

...obviamente que, a taxa de mortalidade é também até dezenas de vezes menor do que é reportado - pois, para os números oficiais, só contam os casos confirmados (i.e. de que as autoridades têm conhecimento).

Ora, fazendo as contas, de dividir a taxa de mortalidade pelo mesmo número de vezes que a real/efectiva taxa de infecção deverá ser sub-reportada (comparativamente aos casos confirmados apenas), temos que a mortalidade deste vírus não é muito pior do que a de uma gripe.

(Tirado da última hiperligação: "Stanford researchers said their findings show a death rate of just 0.12 per cent to 0.2 per cent.")

Também, tal como admite a própria autoridade portuguesa de saúde - https://ionline.sapo.pt/artigo/693471/vao-ser-retomadas-as-atividades-suspensas-no-sns - "uma pessoa com uma doença em estado avançado, mesmo que venha a falecer dessa doença, se estiver infetada com covid-19 entra nos números de óbitos registados no país". Por isso, imensa gente haverá que nem morreu realmente deste novo vírus (tal como um miúdo de 14 anos, que foi muito falado em Portugal: https://www.jn.pt/local/noticias/aveiro/santa-maria-da-feira/menino-de-14-anos-cm-covid-19-tera-morrido-de-meningite-12008314.html) e que é erradamente incluída nas estatísticas oficiais.

Inclusivamente, com uma taxa real de mortalidade tão baixa, não é de admirar que as estatísticas sejam de que não haja um real aumento da mortalidade em Portugal e nos vários países europeus: https://evm.min-saude.pt/ + https://twitter.com/AquAhora1/status/1247600049275777025 + https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1249445075219865610 (No caso português, do qual se podem informar na primeira hiperligação, reparem em como em Janeiro-Fevereiro deste ano, em plena época da gripe, morreram mais pessoas do que têm morrido durante o pico deste novo vírus.)

Obviamente que - tal como na época da gripe - se convivemos com pessoas idosas e/ou doentes, temos sempre de ter cuidado para não trazer nenhuma doença para casa - nomeadamente, evitando grandes aglomerados de pessoas no Outono e no Inverno. Mas, se apenas temos pessoas até à meia-idade e saudáveis em casa, não é preciso ter maiores preocupações do que já tínhamos com a gripe e afins.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Eu também avisei disto...

15.03.20

Assunto: Como deverá ocorrer o Colapso

Olá, outra vez.

Então, pelo que percebo, este Colapso (do mundo tal como o conhecemos: https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1238185952981508103) não deverá acontecer repentinamente, no momento presente (https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1236814196039389184) e o fim disto tudo está previsto para o próximo Outono-Inverno (https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1238187615813279744) - o que, coincidência ou não, é quando se prevê (tal como no caso da gripe) que ocorra o próximo surto real deste novo vírus.

Pelo que escreve a minha fonte, parece que as coisas irão ser mais repentinas lá para o final disto tudo (https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1237086999196176391). Mas, dada a óbvia incerteza - e consequente imprevisibilidade - de tudo isto, é também sempre possível que este inevitável Colapso que irá ocorrer (https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1238195491160174592) se desenrole de modo algo gradual(?)...

De qualquer modo, se querem ir estando a par das últimas previsões e informações que os média de massas não reportam, sugiro que passem a estar atentos à conta no Twitter que me serve de fonte - e melhor avisou toda a gente do que já está a acontecer:

https://twitter.com/EstulinDaniel

Sobre o que os média não relatam, quem tiver conhecimentos de Ciência (ou for capaz de se informar por si próprio/a) pode espreitar as denúncias - para as quais esta minha fonte também chamou a atenção - de que, analisando a variabilidade genética (haplótipos) das diferentes variantes (várias estirpes) deste novo vírus, as indicações são de que este terá originado nos EUA e não na China: https://twitter.com/zlj517/status/1238292025817968640 + https://twitter.com/zlj517/status/1238269193427906560

Também, a repetir a acusação (que mencionei em carta anterior) de que o surto deste vírus na China terá sido obra dos anglo-americanos, já vieram um alto representante da China e também o governo iraniano acusar os EUA de estarem na origem dos surtos nos seus países respectivos: https://twitter.com/Partisangirl/status/1238949967177191424 + https://www.zerohedge.com/geopolitical/us-army-behind-covid-19-wuhan-chinas-foreign-ministry-levels-bombastic-charge

E, sobre o que eu dizia deste surto ser muito conveniente,

Reparem como o mesmo está a ser usado para decretar "quarentenas" que equivalem à Lei Marcial que obriga as pessoas a ficarem em casa (com o conveniente extra de que, deste modo, são as próprias pessoas que não querem sair de suas casas) - o que minimiza os tumultos sociais que, de qualquer modo, irão ocorrer por causa do Colapso Económico.

E, reparem em como o argumento do surto não bate certo com o estarem agora a encerrar lojas mais cedo. Pois, quanto mais alargado for um horário de atendimento ao público, mais dispersa é a frequência temporal do sítio em causa - e, consequentemente, menos contacto têm as pessoas umas com as outras. Logo, o único efeito real que esta medida vai ter, é provocar despedimentos laborais.

Se querem saber qual é a principal razão de fundo para este surto, podem informar-se sobre as dívidas impagáveis que a Economia capitalista actual, montada numa expectativa de eterno crescimento, possui: https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1238838779005280257 + https://twitter.com/search?q=desgrabar%20from%3AEstulinDaniel&f=live

E, tudo isto, para dizer que,

O Colapso do qual eu tanto vos avisei já chegou. E, se é também esperado que nesta Primavera se ultrapasse o pico deste surto biológico (os média de massas deverão começar a ser mais contidos nos seus alarmes daqui a uma semana: https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1238839870963027969) talvez tenham ainda o final desta Primavera e este Verão para algumas medidas de última hora, que queiram tomar como precaução para este Colapso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 12:35

Sem dúvida, assistimos a uma pandemia mesmo muito conveniente

08.03.20

Assunto: Coronavírus = Colapso. Atenção à natureza da vacina.

Olá, a todos.

Uma chamada de atenção e um importante aviso.

(Passando ao lado da origem suspeita deste novo vírus: https://mundo.sputniknews.com/firmas/202002131090460452-cientificos-el-coronavirus-seria-un-arma-de-guerra-biologica/ + https://greatgameindia.com/dr-francis-boyle-creator-of-bioweapons-act-says-coronavirus-is-biological-warfare-weapon/)

Reparem no que está a acontecer à Economia.

O que este, muito conveniente, surto veio providenciar ao poder estabelecido, foi uma desculpa perfeita para causar uma recessão propositada da Economia - o que evita que o inevitável Colapso Económico que se avizinhava ocorra de modo descontrolado (https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1222617980191879171).

Reparem também como a publicação britânica The Economist (que é propriedade da conhecida família de banqueiros internacionais Rothschild) "previu" uma "recessão" para este ano, na sua capa: https://www.amazon.com/Economist-Magazine-World-2020/dp/B081Y4HFZS

O que daqui para a frente irá acontecer, não sei... (Será que iremos assistir ao encerramento mandatório de vários sectores da Economia, à medida que futuros surtos cíclicos ocorram? Será que irá haver outros pretextos para outros encerramentos parciais da Economia?)

Mas, o que diz a melhor fonte que me avisa deste tipo de coisas (que tem fontes nos serviços secretos russos e que tem até acusações mais graves a fazer sobre esta pandemia: https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1228071462956863492) é que, o que estamos a assistir agora no mercado bolsista, é apenas uma pequena "correcção" - e que, quedas a sério, deverão ocorrer: ou daqui a um ano; ou no decorrer dos próximos 12 meses. (https://twitter.com/EstulinDaniel/status/1233410920212287488)

(Daqui a poucos dias deverei ter informação mais exacta sobre isto...)

Mas, de qualquer modo, é já mais que visível que estamos a experienciar o início de um Colapso Económico.

E, uma nota final, mesmo MUITO IMPORTANTE.

A vacina que foi criada para supostamente imunizar as pessoas para este vírus, pertence a um novo tipo de vacina experimental, que nunca antes foi testado em seres humanos:

(a partir dos 18m15s) https://www.youtube.com/watch?v=2UvNtf41z-0

(em castelhano) https://www.buzzsprout.com/332756/2685775

E, juntando isto ao facto de que tenho eu vindo a avisar, ao longo dos anos, que as vacinas, em si, são uma fraude médica e só contêm substâncias nocivas (https://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=9475.msg325861#msg325861) [...]

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que é que dizia eu, há uns anos, sobre cocaína e a SIC?

29.10.19

cocaine.jpg

 

"'Cocaínados' há para aí aos pontapés, basta andarmos aí pelos corredores da SIC"

 

O seguinte, foi um comentário que deixei no blogue do jornalista Frederico D. Carvalho, em 2010.

 

Pois.
E o que as câmaras da SIC também não mostram são, compreensivelmente, as festas dos elementos de uma equipa de um dos seus canais, com mesas onde a cocaína se consome segundo a modalidade "bar aberto", nas quais também altas figuras da polícia marcam presença, e onde estas últimas, já depois de estarem algo intoxicadas, se gabam de estar feitas com os traficantes, explicando que as muito poucas apreensões feitas para a imprensa são acompanhadas de "indemnizações" aos pobres traficantes.
Surpreendente? Nem por isso, quando se sabe o quão importante é o fluxo de drogas para a economia mundial. (Leiam Michael C. Ruppert, Daniel Estulin, John Coleman...)
Da mesma maneira que em nada é surpreendente ver o quão à vontade e à descarada se vende droga em sítios como o Bairro Alto em Lisboa.
O que é um pouco de conivência e colaboração policial, quando temos os próprios militares a transportar a droga em aviões de carga e a defender as plantações dos caretas dos Taliban?

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 23:29