Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Uma visão (muito) mais optimista da situação no Irão?

09.01.20

iranian_crisis.png

[Os outros três comentários de que falo, nos anteriores tweets, são os que deixei a <este> tweet.]

 

*

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 23:41

"Aquecimento global antropogénico" desmontado em apenas 3m20s

03.12.19

(Excerto duma muito boa apresentação feita no Senado Federal do Brasil, em Maio último, pelo Prof. de Climatologia da muito prestigiada Universidade de São Paulo, Ricardo Felício.)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quantidade de CO2 na atmosfera já foi 10 vezes a que é hoje...

06.10.19

...E, ainda assim, o Planeta entrou numa Era Glacial.

(O seguinte gráfico, foi exibido há 5 meses no Senado Federal brasileiro pelo climatologista Prof. Dr. Ricardo Felício - e podem mostrá-lo também a quem quiserem, para calar aqueles que digam que é o CO2 que determina a temperatura do Planeta.)

 

Geological_Timescale.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Razões de ser para a fraude do "aquecimento global" antropogénico

03.10.19

[Um comentário que deixei num tópico que foi criado num fórum de militares portugueses, onde pessoas que estão (pelo menos, algo) informadas sobre o projecto da Nova Ordem Mundial (e agora afins) têm feito colocações em cadeia.]

 

O suposto "aquecimento global" de origem antropogénica é uma falácia que qualquer pessoa com o 9º ano de escolaridade(?) consegue facilmente aperceber-se de...

 

 

(Se nunca viram o anterior muito bom documentário, feito pelo Channel 4 britânico - https://www.globalresearch.ca/global-warming-a-convenient-lie/5086 - há uma boa razão para tal... Alguém com muito dinheiro comprou os direitos de autor do mesmo e tratou de que este nunca mais fosse exibido publicamente. Sendo os vários vídeos que estão ainda disponíveis no YouTube "cópias piratas" do mesmo.)

Já repararam que, de cada vez que os média de massas portugueses vos diziam, repetidamente, no decorrer das duas décadas que passaram, que o ano anterior tinha sido o mais quente de sempre, nunca vos mostravam tais média quaisquer gráficos que provassem tais afirmações? Isso é porque, qualquer pessoa que vá aos arquivos de medição das temperaturas por satélite, usados nomeadamente pela NASA (que são públicos: http://data.remss.com/msu/monthly_time_series/) e elabore os seus próprios gráficos, consegue ver que tais afirmações são mentira.

 

no_warming.png

 

(O anterior gráfico foi tirado do seguinte vídeo - https://www.youtube.com/watch?v=bSAgCFLgaVI - sendo que, têm também na seguinte hiperligação uma confirmação do mesmo, sob a forma de um gráfico elaborado pela própria equipa que mantém os registos de satélite: http://www.remss.com/blog/recent-slowing-rise-global-temperatures/)

Parte das razões de ser para esta enorme impostura científica, denunciei-a hoje, neste vosso fórum: http://www.forumdefesa.com/forum/index.php?topic=2098.msg318291#msg318291

E, se quiserem saber qual é a principal razão de todas, têm também a seguinte denúncia que recentemente fiz, num comentário que deixei no blogue da historiadora Raquel Varela: https://blackfernando.blogs.sapo.pt/a-principal-razao-i-e-a-razao-de-fundo-175885

 

*

 

"...the claims of climate change are exaggerated in an attempt to usher in more government control and regulation."
--- https://www.heartland.org/publications-resources/publications/vatican-climate-conference-presentation-lord-christopher-monckton

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 16:11

Caiu a máscara a Richard Stallman

18.09.19

IGNUcius.jpg

Pessoalmente, nada disto me surpreende...
Pois, tal como disse "de passagem" numa colocação anterior que fiz, há já um bom tempo que, no seguimento de correspondência privada que troquei com esta importante figura, me apercebi da verdadeira natureza da mesma (i.e. que se trata esta, quase certamente, de mais um agente do próprio sistema) - dadas as respostas que poderão ser descritas como "muito estranhas", que eu recebia em retorno (e que, a serem sinceras, se costumam associar apenas a pessoas desprovidas de inteligência - coisa que Stallman, notoriamente, possui em grande quantidade).
Sendo também que, as recentes revelações de afirmações chocantes por esta figura feitas apenas confirmam, para mim, a avaliação pessoal que fiz - pois, sabem as pessoas melhor informadas que existe uma clara agenda, por parte das elites governantes, de sexualização das crianças.
Mas, para que as coisas se tornem mais claras para quem seja mais ingénuo, acrescento duas notas prévias de interesse.

  1. O MIT é uma universidade privada e elitista, que recebe dinheiro do poder estabelecido dos EUA. Maioritariamente (a) do Grande Capital - no qual se inclui até o "arqui-inimigo" do Software Livre, Bill Gates - e também (b) do Departamento de Defesa (ou, melhor dizendo, da "máquina de guerra") estadunidense. Sendo que, no caso deste último, serve o MIT de conhecido laboratório para o desenvolvimento de projectos da DARPA. E, que pessoa supostamente ética é que aceita trabalhar para um laboratório financiado pela DARPA e ajuda também a desenvolver Inteligência Artificial para este mesmo poder estabelecido, que (sabem as pessoas bem informadas) irá ser maioritariamente usada para projectos de vigilância? (Para além de apelar esta mesma pessoa ao voto em candidatos do Partido Democrata, também responsável por operar a máquina de guerra estadunidense.)

  2. Falando de vigilância e não só... Reparem em quem são as principais entidades que usam Software Livre: Facebook; Google; Amazon; vários departamentos do governo estadunidense (parcerias com a Red Hat); a esmagadora maioria da Internet, em si (servidores HTTP Apache e Nginx); quase todos os supercomputadores que existem (por norma, detidos por governos); até a própria Microsoft... O maior utilizador de Software Livre é o próprio poder estabelecido! E, sabido isto, acham que foi (a) pura coincidência que tenha surgido um movimento destes que produz um tipo de software que tanto agrada a esse mesmo poder estabelecido (que terá tido a imensa sorte de, por mero acaso, ter surgido tal tipo de software), ou acham antes que, (b) como pessoas muito inteligentes que são as que conduzem esta sociedade (também conhecidas por planearem tudo com décadas de antecedência), anteviram estas as grandes vantagens que poderia ter este tipo de software e foram estas mesmas que criaram o movimento do Software Livre (tal como tantos outros conhecidos que já foram por si criados)? Já repararam que existe até uma "licença MIT"? E, que o sistema operativo BSD (cuja mascote é um demónio) é assumidamente uma criação da Universidade da Califórnia em Berkeley, que é sobejamente conhecida por ser mais um centro de lavagem ao cérebro do poder estabelecido estadunidense?

Ora, feita a chamada de atenção para os dois pontos anteriores... Acham então que foi pura coincidência que o movimento do Software Livre e o sistema operativo GNU tenham sido criados quando Richard Stallman trabalhava para o MIT?

Mas, uma nota pessoal e importante...
Eu continuo a ser (e serei sempre) um "entusiasta" do Software Livre. Pois, independentemente de tudo, considero que é este um movimento que, por boas razões várias, deve muito ser cultivado.
Sendo que, as razões pelas quais penso que é do interesse do poder estabelecido usar também este tipo de software, são as suas consequentes (1) maior qualidade (por ter sempre muito mais pessoas envolvidas no seu desenvolvimento) e também (2) maior "agilidade", ou capacidade evolutiva (providenciada pelo facto de, por ser o seu código-fonte aberto, ser este tipo de software muito mais facilmente "reparável").
E, tal como todas as tecnologias inventadas pelo Império Romano ou até mesmo pelos nazis - que muito beneficiaram a Humanidade - uma coisa é uma tecnologia específica, em si, e outra coisa é quem a criou (e porquê). E, a tecnologia, em si, muito poucas vezes pode ser considerada má. Pois, maus são, por norma, apenas alguns dos usos que lhe podem ser dados.
Vejam o exemplo da fissão nuclear. Surgiu para que os EUA pudessem bombardear o Japão, tendo com isso morto dezenas de milhares de pessoas - e é hoje em dia usada para providenciar energia para muitas localidades, incluindo para hospitais, onde se salvam vidas.

 

Renowned MIT Scientist Defends Epstein: Victims Were ‘Entirely Willing’

Autoria e outros dados (tags, etc)

A portuguesa Agência Lusa a mentir sobre o conflito na Ucrânia

22.07.19

ukrap.jpg

A fazer lembrar um outro "engano" sobre esta mesma temática - e também a provar, uma vez mais, o quão mentem os média ocidentais sobre o conflito no leste da Ucrânia...
Eis que foi ontem desmentido (uma vez mais) por um órgão de comunicação russo, o que este último descreve (de modo eufemista) apenas como uma "citação errada", por parte dos média ocidentais, do que estava num relatório inicial da polícia italiana.

 

Hand grenades, rifle, crossbow & machete found in new neo-Nazi cell bust in Italy

 

(Como se, de tão ignorantes que são os jornalistas, não soubessem estes bem - e também toda a gente que sabe o mínimo sobre este conflito - de que lado é que têm lutado os fascistas...)
Têm <aqui> o exemplo da Agência Lusa a mentir sobre o sucedido.
E, têm também <aqui> uma pequena lista de sucedidos, sobre as diferentes versões do relatório policial em causa - que denuncia a cumplicidade do próprio governo italiano, em querer claramente encobrir de que lado é que lutavam estes voluntários fascistas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 06:04

O meu parecer relativo à polémica sobre equipamentos da Huawei

31.03.19

huawei_reuters.jpg

[Dois comentários que deixei a esta notícia. Aos quais acrescento já que, sobre a questão da possível espionagem, é minha crença que as "portas dos fundos" existentes neste tipo de equipamentos (sejam elas a nível de hardware ou de software) serão partilhadas entre os vários governos em causa...]

 

«Estarão estes estudos a tentar descredibilizar propositadamente a Huawei?»

Muito provavelmente...

Já repararam até na coincidência de que tudo isto surge logo depois de que a Huawei destronou a estadunidense e ocidental Apple do lugar de segunda maior vendedora mundial de telemóveis?

Querem-nos fazer crer que a concorrência também não terá tantos ou mais problemas quanto os que foram identificados?

A Huawei, pela sua superior qualidade dos equipamentos (e também melhor relação qualidade-preço) sempre esteve destinada a chegar ao topo. E, disto me apercebi eu logo quando, por meros acaso e coincidência, o meu primeiro smartphone foi exactamente um Huawei, que muito me impressionou pela sua qualidade.

(Reparem em como quase metade dos telemóveis, e outros equipamentos, que são lançados pela estadunidense Apple, têm sempre problemas. Ou, comparem um ecrã IPS do último modelo “iPad mini” da Apple com um ecrã IPS dos primeiros modelos de smartphones da Huawei – e vejam quais é que, depois de todos estes anos, ainda continuam a ter uma qualidade superior.)

Os governos ocidentais têm acordos secretos com as companhias de telecomunicações, que obrigam estas companhias a cumprir certos requisitos para poderem vender nos países de tais governos. Por exemplo, nos telefones analógicos antigos, era obrigatório deixar dentro dos mesmos espaço suficiente para a colocação de aparelhos de escuta, caso fosse necessário. Ora, acham que se representassem estes equipamentos de telecomunicações de multinacionais estrangeiras algum perigo para a segurança dos países em causa, os governos de tais países alguma vez teriam deixado tais marcas venderem equipamentos no seu território? E que, a detectarem realmente tais governos qualquer problema sério, não poderiam obrigar as marcas em causa a resolvê-lo – e que tais marcas não o fariam prontamente, para não perderem o tão grande mercado em causa?

Ora, na falta de uma real razão para poderem correr com as *concorrentes* chinesas Huawei e ZTE, que lhes têm vindo a conquistar uma grande fatia do mercado, têm então os grandes interesses económicos ocidentais, que controlam os nossos governos e média de massas: (1) ou de se ficar pelo mero lançamento de suspeitas; (2) ou, no caso dos EUA, ir até mais longe, sem nunca poderem então apresentar provas das suas alegações...

 

*

 

Ainda, sobre o que dizia eu de que “os governos ocidentais têm acordos secretos com as companhias de telecomunicações, que obrigam estas companhias a cumprir certos requisitos para poderem vender nos países de tais governos”,

Se alguém duvida do que eu digo, tem no seguinte pequeno trecho de vídeo uma prova disto mesmo: https://cld.pt/dl/download/a0c3f4c1-09d1-4308-ad08-d2702c7304ec/la_huida.mp4

(Obviamente que, as “portas dos fundos” e afins, que venham nos equipamentos de telecomunicações, serão partilhadas com os governos dos países onde tais equipamentos são vendidos...)

 

[Acrescentado, algumas horas depois: E, tendo alguém feito um comentário a tal notícia, ao qual eu entretanto também respondi, aqui fica mais algo que gostaria de acrescentar...]

 

«...existência de backdoors nos produtos da Huawei. A confirmar-se, é grave.»

*Todos* os smartphones vêm com “portas dos fundos” incluídas.

(Não faria sentido algum aos governos dos vários países, que é sabido quererem espiar os seus cidadãos, permitir a venda de equipamentos que garantissem uma real privacidade dos seus utilizadores.)

Apple, Samsung, Xiaomi, Google... Todas vendem (também) equipamentos, ou sistemas operativos, com “portas dos fundos” incluídas: https://www.gnu.org/proprietary/proprietary-back-doors.en.html

(“Divirtam-se” a consultar a extensa e elucidativa lista, para a qual aponta a última hiperligação...)

Autoria e outros dados (tags, etc)