Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Imigração é muito útil para alterar as diferentes culturas europeias

04.09.15

pro-immigration.jpg

Tragédias à parte, é importante reflectirmos sobre as causas de todo este fenómeno de imigração massiva para a Europa (para além do facto de ter o mesmo origem em guerras criadas ou instigadas pelo próprio Ocidente). Nomeadamente, questionando-nos sobre por que razão não decidem antes estas pessoas lutar pela libertação das suas pátrias e como conseguem elas, numa situação de desemprego, arranjar tanto dinheiro para pagar a traficantes de seres humanos - ainda mais, quando são oriundas de países (muito) pobres.

E, quanto à reacção do poder estabelecido europeu a este fenómeno, é também importante fazer algumas perguntas.

  • Por que razão se disponibilizam, prontamente, os diferentes líderes europeus para acolher estas pessoas estrangeiras?
  • Por que razão tem existido uma clara e contínua propaganda, por parte do poder estabelecido e dos seus média de massas, que visa misturar culturas - e, consequentemente, "diversificar" ou miscigenar as populações europeias?
  • Por que razão atribuem alguns estados-membros da União Europeia subsídios a quem não é cidadão do seu país, para ajudar tais pessoas a se fixarem dentro dos seus países de acolhimento, financiam algumas autarquias destes estados a construção de templos de religiões diferentes das predominantes locais e se atribuem até cargos ministeriais a quem nem sequer é natural do país onde exerce tal cargo?

A resposta a todas estas interrogações deverá, uma vez mais, ser óbvia para quem já conhece este blogue... [1] [2]

Alterando significativamente as populações humanas e as culturas dos diferentes estados europeus, para uma situação em que comecem estes, outrora diferentes, a assemelhar-se uns aos outros (por terem acolhido o mesmo tipo de populações estrangeiras), é mais uma facilidade que se cria para a pretendida extinção dos diferentes estados-nação europeus e sua substituição por um, cada vez mais homogéneo, superestado europeu.

 

[Editado a 25/02/2020: Podem encontrar uma muito melhor exposição de argumentos, que explicam por que razão nos devemos preocupar todos com este assunto, nas duas hiperligações que eu deixo por baixo de um debate que coloquei <aqui>.]

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 19:59


1 comentário

Imagem de perfil

De Fernando Negro a 05.09.2015 às 18:06

E, o problema que representa a imigração islâmica, em particular, nos dois últimos pontos da seguinte colocação - e no meu primeiro comentário à mesma:

http://octopedia.blogspot.pt/2015/09/migrantes-e-islamizacao-da-europa.html

comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.