Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Como a Wikipedia manipula a informação

08.01.16

wikipedia.jpg

(Eu, realmente, já tinha sabido de várias pessoas que se queixam do quão manipulada é a informação relativa a si mesmas nas suas páginas na Wikipedia. Mas, estas agora, é que foram demais... E, no seguimento de uma conversa que tive noutro blogue, aqui vão algumas ocorrências interessantes que descobri eu neste sítio...)

- Sabem as pessoas melhor informadas que Webster Tarpley fez um estudo, a pedido do parlamento italiano, que concluiu que o assassinato de Aldo Moro foi uma operação dos serviços secretos ocidentais, certo? Pois, tal estava até descrito na sua página na Wikipedia. Ora, para quem for espreitar a sua página actual na Wikipedia, tal não aconteceu (e, só quem for mais curioso - e andar a informar-se sobre a sua bibliografia - é que tem conhecimento do mesmo).

- Quem souber, já há uns bons anos, o que são "atentados de bandeira falsa", conhece também o termo (muito a eles associado - e que descreve o plano maior em que estes normalmente se inserem) "estratégia de tensão". Pois, a mesma vinha até descrita na Wikipedia, certo? Ora, de acordo com a nova descrição na Wikipedia, tal estratégia trata-se de uma falsidade(!).

[Editado a 15/01/2016: Ao que parece, deve haver uma qualquer "guerra" entre as várias pessoas que editam a página da Wikipedia relativa à "estratégia de tensão". Pois, de ser simplesmente descrita como uma falsidade, há poucos dias, passou agora a mesma a ser descrita como uma teoria com origem numa falsidade...]

(E, assim se mantém uma boa parte da população na escuridão, ou ignorância sobre o mundo em que realmente vive...)

Já, relativamente às páginas de outros autores, tinha eu reparado que estavam cada vez menos informativas. Sendo um exemplo claro disso, a página do investigador Daniel Estulin, que dantes referia as várias fontes que ele tem e que agora omite as mesmas.
E, para além do claro desdém na maneira como são descritas neste sítio pessoas que fazem coisas incómodas (um leve exemplo disso, algo hilariante, de alguém fora do mundo da política), também já tinha reparado que, quando se tratam de "verdades" oficiais (que sabem as pessoas melhor informadas serem mentiras), são tais afirmações descritas como factos. Mas, quando se tratam de verdades não-oficiais, que vão contra as mentiras oficiais, são tais factos descritos como afirmações, alegações ou "teorias". E, um bom exemplo disso, é o com que nos deparamos quando vamos a este sítio informarmo-nos sobre aqueles que foram os mais marcantes acontecimentos do início deste século - em que (entre muitas outras coisas) apesar de, entre os supostos "terroristas suicidas" envolvidos em tais acontecimentos, terem 7 sido descobertos vivos, temos a Wikipedia a dizer-nos que os ataques de 11 de Setembro foram autoria dos 19 elementos que constam na lista que nos foi apresentada pelo FBI norte-americano.
Assim como, o melhor - e mais clássico - exemplo de como este sítio na Internet manipula a informação, continua a ser a famosa omissão do Período Quente Medieval - facto histórico este, que prova que, ainda que houvesse um aquecimento global de vários graus provocado pela actividade humana (sendo que, nem sequer algum "aquecimento" está a ocorrer) tal não resultaria em nenhuma catástrofe.

Mas, estas agora, é que me fizeram mesmo acordar para o quão forte esta manipulação é...

Autoria e outros dados (tags, etc)

In memoriam

02.01.16

ian.jpg

Ian Murdock (1973-2015)

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 08:12

Para quem duvidar que esta gente usa "piadas internas"

31.12.15

http_451.pngSejam, no mundo dos média, promoções que são feitas a um canal de propaganda noticiosa com a voz do Darth Vader, introduções a telejornais de um canal de televisão português com referências a "explosões secundárias", a existência de blogues com nomes como "Brave The World", um filme, relativo a uma conhecida série de atentados de bandeira falsa, onde podemos ver cartazes com a palavra "Illuminati" escrita nos mesmos (quando não são conhecidos no mundo real tais cartazes da mesma marca) ou álbuns que são editados por uma editora chamada "Roc-A-Fella Records"... São várias as mesmo muito estranhas escolhas de palavras e referências que são feitas, ao ponto de deixar qualquer pessoa bem informada com mesmo muitas suspeitas...

Ora, passando para o mundo dos computadores que todos usamos, o mesmo tipo de ocorrências muito suspeitas mantém-se... Seja na primeira escolha do nome "Longhorn" para uma versão do sistema operativo de computadores de secretária que a maior parte das pessoas ainda usa e do nome "Ubuntu" para aquela que é imensamente promovida, pelos média de massas, como a melhor alternativa ao anterior ou seja na escolha de termos como "Android""Cyanogen" para nomes do sistema operativo de smartphones que a maior parte das pessoas usa, a existência de palavras que nos fazem levantar as sobrancelhas é um facto que permanece deveras observável.

Somado a isto, temos agora a escolha do <número 451> (espreitar o nome desta novela) para um erro resultante da censura de uma página na Internet.

E, eu não sei o que pensam outras pessoas que sejam ignorantes... Mas, no meu caso pessoal, deixa, com isto (e tal como no caso da forte presença de triângulos e afins em logotipos de empresas) de haver alguma dúvida sobre se se tratam ou não todas estas ocorrências de meras coincidências - passando antes a ser a minha mesmo muito forte convicção de que há, de facto, quem tenha um sentido de humor mesmo muito macabro, entre quem gere os vários orgãos corporativos, estatais e internacionais, responsáveis por este tipo de decisões.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Última pessoa que diz que esteve com Swartz é líder de uma ONG

11.01.14

Vivia no mesmo apartamento que ele e é ela que garante que a morte do conhecido activista (imensamente inteligente e com um enorme potencial, que, desde cedo, se começou a revelar) - que lutou pela defesa da Liberdade de Informação, que iniciou o movimento que derrotou a SOPA, que estava disposto a lutar nos tribunais contra o poder estabelecido e que, caso fosse condenado, iria tornar-se um mesmo muito grande ícone na luta pela Liberdade na Internet - foi "suicídio".

Que importância tem o facto desta mesma pessoa ser líder de uma ONG?
Ora, com a quantidade de ONG que são controladas pela NOM, é sempre de suspeitar, de cada vez que nos deparamos com uma destas organizações. E é também sempre de suspeitar dos seus líderes e das pessoas que as montaram.

Aqui vão algumas das causas em que estiveram envolvidos, quer a líder da ONG em causa (em ONG anteriores e na presente que lidera), quer os restantes membros desta ONG (presentemente e em actividades anteriores).

  • Campanhas de apoio ao Presidente Obama.
  • Campanhas que visam sabotar o financiamento da "National Rifle Association of America (NRA)" ou que visam denegrir a imagem pública desta associação, que defende o (muito importante) direito civil à autodefesa, tal como é (muito explicitamente) expresso na Segunda Emenda à Constituição dos EUA.
  • Militância na "American Federation of Labor and Congress of Industrial Organizations (AFL-CIO)" - uma federação sindical claramente controlada pelo poder estabelecido (que servirá certamente para controlar a contestação ao mesmo).
  • Campanhas de luta pelo impedimento do desenvolvimento industrial (/campanhas pseudo-ambientalistas de "protecção ambiental", que claramente jogam a favor do objectivo de "crescimento zero", pretendido pelo poder estabelecido).
  • Campanha de favorecimento à imigração ilegal para os EUA (obviamente que, para destruir a qualidade de vida nos mesmos, assim como a sua identidade cultural, e para, ultimamente, destruí-los enquanto estados-nação).
  • Campanha pela implementação do "Estado Social" nos EUA.
  • Campanha de apoio à WikiLeaks.
  • E mais toda uma série de "causas" de treta, acompanhadas de falsas lutas sem consequência prática (típicas das ONG controladas), que agora não tenho paciência para estar a listar...

É só uma questão de consultarem a página "Quem Somos Nós" da ONG em causa e começarem a pesquisar sobre o passado dos personagens nela envolvidos. (E, depois, tirarem as vossas próprias conclusões...)

E, sim... Para quem a cara na fotografia, acima e à esquerda colocada, parecer familiar... Trata-se daquela que era, na altura, a namorada do mesmo.
E, quem quiser saber de bons exemplos de confirmações do tipo de suspeita que estou a levantar, nem precisa sequer de olhar para o outro lado do Atlântico para poder ver alguns - [1] [2].

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mudança de planos

10.02.13
Embora, por razões várias, fosse muito minha vontade fazer um longo período de "férias", longe da blogosfera...
Com o que parece ser o fim da Internet, tal como a conhecemos, a aproximar-se (oiçam este aviso e leiam também este e lembrem-se de que também o 7 de Julho, em Londres, foi precedido de avisos por parte de quem está por trás de tais ataques e depois usa os mesmos para implementar novas medidas de controlo) decidi antes publicar já, a um ritmo acelerado, tudo o que ainda tenho a dizer, que penso que possa ser de interesse para quem se queira informar sobre esta temática da NOM, e partilhar também já, com quem conheço, pessoal e virtualmente, o que, de natureza mais pessoal, ache eu ser de interesse.
(E, assim sendo, este blogue irá, dentro em breve, retomar a sua actividade, com as colocações que tenho a fazer a ocorrerem, por norma, com maior frequência do que era até agora hábito.)
Pelas minhas previsões, talvez ao fim de 3 meses(?) já tenha eu dito tudo o que ainda tenho a dizer.
E, depois disso, deverei (se quiser continuar com alguma actividade "em linha", em termos de publicação de conteúdos próprios) começar a preparar-me para utilizar uma qualquer rede alternativa à convencional (do tipo Freenet, I2P ou algo do género) pois o que antevejo é que o que for restando de Internet dita "normal", a seguir ao claro ataque de bandeira falsa que já se antevê, seja algo cada vez mais controlado, onde, quem queira utilizar esta mesma rede convencional, tenha de se identificar em todo o lado (como dar dados pessoais, para poder utilizar contas no gigante Google e nas suas empresas subsidiárias - como é o caso da Blogger) e não sei se estou disposto a sujeitar-me a isso.
É possível que, de qualquer modo, eu continue a publicar aqui coisas. Mas venho já avisar que é também possível que eu deixe simplesmente de fazer aqui colocações e me mude para outro sítio ou, talvez mais provável, simplesmente abandone, em grande parte, este mundo virtual.
(A ver vamos o que acontece...)
Até lá, quem quiser, pode ir lendo o que eu ainda tenho a dizer e, se não tiver tempo para digerir tudo, rever então, com mais calma, tudo o que eu tenha publicado, após ter eu terminado a minha série de colocações.

Autoria e outros dados (tags, etc)

"BLAG Linux And GNU"

01.07.12
Muito boa distribuição de GNU/Linux, que faz parte da restrita lista de distribuições 100% livres, aprovadas pela Fundação para o Software Livre.
A mais recente versão estável - que pode ser vista nestas fotografias - chama-se "Spartakus".


(Clicando na ligação para a documentação educativa, vai-se ter ao índice de um mesmo conjunto de documentos aqui já referenciados. E, de cada vez que se abre a janela do terminal, surge uma citação diferente de teor anarquista.) ;)

Vem com a minha modificação favorita do Mozilla Firefox... O GNU IceCat.


Mas a minha distribuição preferida, da mencionada lista, é uma galega - que surgiu por iniciativa da Universidade de Vigo - que se chama Trisquel e que está mesmo lá quase...

Autoria e outros dados (tags, etc)

colocado por Fernando Negro às 18:04

"Já parecem aquele Richard Stallman a falar…"

24.06.12

O que eu queria dizer, num comentário que fiz, esta semana, num sítio que costumo consultar para estar a par das últimas novidades do mundo da informática...

(Quem o quiser ouvir a falar muito bem castelhano e a explicar que história é esta do "Software Livre", tem este vídeo. E quem quiser ver o mesmo, há muitos anos, já a falar sobre o assunto, tem este outro.)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Já actualizaram o vosso Windows?

16.06.12
  • Leiam aqui sobre porque razão é importante fazer sempre as últimas actualizações de "segurança".
  • Leiam, se quiserem, aqui uma pergunta que fiz a alguém que escreve para publicações informáticas (e que ficou sem resposta).
  • Leiam também aqui sobre uma suspeita que, há já largos anos, existe, relativamente a este sistema operativo.
  • E leiam aqui sobre uma boa alternativa ao mesmo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

CNT-FAI

03.03.12

Tema para Openbox, carregado há um mês para o sítio Box-Look.org, que descobri, após instalar num portátil já com alguns anos, para tirar o máximo de rendimento deste, uma distribuição leve derivada do Debian, chamada CrunchBang, a qual recomendo como a melhor para fazer o mesmo que eu fiz.

(Podem clicar na imagem para ampliar.)

 


(Os mais curiosos, que usem também o Debian ou uma distribuição baseada neste, podem experimentar executar o comando que se encontra na janela do terminal e depois procurar na directoria "/usr/share/doc" por uma recente adição de documentos interessantes...) ;)

Autoria e outros dados (tags, etc)